Conheça a história incrível do filme “Sully: O Herói do Rio Hudson”, estrelado por Tom Hanks e dirigido por Clint Eastwood!

Conheça a história incrível do filme “Sully: O Herói do Rio Hudson”, estrelado por Tom Hanks e dirigido por Clint Eastwood!

Conheça a história incrível do filme “Sully: O Herói do Rio Hudson”, estrelado por Tom Hanks e dirigido por Clint Eastwood!

Nessa matéria especial temos a opinião de duas colaboradoras em dobradinha Rio/ São Paulo da nossa equipe Leitores Depressivos, sobre um filme incrível que recomendamos: Sully: O Herói do Rio Hudson!

 

“Baseado em fatos reais e em memórias diretamente retiradas do livro Highest Duty: My Search For What Really Matters, de Chelsey ‘Sully’ Sullenberger e Jeffrey Zaslow, o filme Sully: O Herói do Rio Hudson pode ser considerado um Marvel da vida real. Ou seja, uma verdadeira aventura de heróis.

sully1

Livro Highest Duty: My Search For What Really Matters

 

Dirigido pelo consagrado Clint Eastwood (Sobre Meninos e Lobos, Menina de Ouro), a trama é daqueles filmes que fazem a gente sorrir, sofrer, chorar e comemorar tudo ao mesmo tempo. Com atuações brilhantes, principalmente do protagonista Tom Hanks, o filme já está sendo sondado como um possível concorrente ao Oscar. Para aqueles que não se lembram, os norte-americanos foram surpreendidos em pleno começo de ano (2009), com o pouso de um avião no Rio Hudson, Nova Iorque. Entretanto, o filme contará muito mais sobre os dias que seguiram o incidente, em que uma investigação busca entender não apenas as causas da queda do avião, mas também a escolha do piloto Sully (Tom Hanks) em optar por uma aterrissagem na água – considerada uma das mais perigosas a se realizar.
Através da turbulenta reação de Sully após o aterrissagem, o filme busca apresentar ao público diferentes aspectos humanos e psicológicos que podem se manifestar durante momentos de grande transtorno. Optando por cruzar relatos do passado com acontecimentos do presente, o filme argumenta e expõem muito bem todos os aspectos em torno do milagroso pouso. Com uma estreia em terras brasileiras no mês de dezembro, o filme é sem dúvida uma das melhores apostas para o fim do ano.”

Por Yasmin Marie

****

Poster do filme:

sully2

 

Confira o trailer do filme:

 

 

Sinopse do filme:

“15 de janeiro de 2009. Logo após decolar do aeroporto de LaGuardia, em Nova York, uma revoada de pássaros atinge as turbinas do avião pilotado por Chesley “Sully” Sullenberger (Tom Hanks). Com o avião seriamente danificado, Sully não vê outra alternativa senão fazer um pouso forçado em pleno rio Hudson. A iniciativa é bem sucedida, com todos os 150 passageiros a bordo sendo salvos. Tal situação logo transforma Sully em um grande herói nacional, o que não o isenta de enfrentar um rigoroso julgamento interno coordenado pela agência de regulação aérea nos Estados Unidos.”

 

****

“O dia 15 de Janeiro de 2009, era pra ser apenas mais um dia comum na carreira do renomado piloto de avião Chesley Sully Sullenberger e dos passageiros que estavam à bordo do Vôo US Airways 1549, se não fosse o incidente ocasionado por um bando de pássaros, que atingiram as turbinas de sua aeronave, ocasionando uma perda de potência tanto na turbina esquerda, quanto na direita, minutos após a decolagem do aeroporto de LaGuardia, em Nova York. Os 208 segundos, foi o tempo necessário para Sully agir da melhor maneira em que poderia ter agido e dissipar a tragédia que acabara de ser iniciada. O pouso de emergência que salvou a vida de 155 pessoas naquela manhã, trouxe bem mais do que sucesso para Sully ou reconhecimento como um verdadeiro herói. O milagre do Rio Hudson, acarretou em um dos mais rudes julgamentos da história da agência reguladora aeroespacial dos Estados Unidos e com absoluta certeza, trouxe também indagações pessoais à Sully, que na verdade, o tempo inteiro fazia questão de ressaltar uma única coisa: a importância da humanidade nos julgamentos. Em meio ao caos instalado por uma sociedade do consumo, cujo principal objetivo é adquirir ainda mais força e retroalimentar seu sistema, a bondade e o belo caráter de nosso herói, que em momento algum tomou as honras sozinho, fizeram todos em seu julgamento enxergar de modo diferente e ainda mais real o que, de fato, havia acontecido no ar. “Nunca ninguém foi treinado para um incidente como esse.”
A sensibilidade que o roteirista Todd Komarnicki traz ao filme, junto com a brilhante direção de Clint Eastwood, reforça questões esquecidas pela correria do nosso dia-a- dia e o quanto banalizamos a responsabilidade que cada um deve exercer dentro desta sociedade. Tom Hanks fez com que o milagre do Rio Hudson ganhasse ainda mais força e sem dúvidas, Eastwood não poderia ter feito escolha melhor para o papel do piloto Sully.
O episódio real, transmitido cenograficamente nas telas do Brasil no dia 2 de Dezembro, promete te deixar pensativo e ao mesmo tempo, com muita vontade de reformular o seu caráter humano em apenas 1 hora e 36 minutos de muita emoção. Não perca a oportunidade de viver essa emoção! Corra para garantir seu ingresso!”

Recomendamos!

Por Rafaella Salles

Edição por ~M

Deixe o seu cometário